Marcadores

15 bons motivos 365sorrisos abertura abhyasa adhomukha svanasana ahimsa alegria alimentação alinhamento alma amizade amor Ana Borella Analu anjali mudra ansiedade aparigraha aprendizado aquieta a mente ardha uttanasa arrependimento artrite arvore do ioga asana ásana asana do mês ashtanga vinyasa yoga atitudes atma Aula de yoga aulão aulas de yoga auto-estudo balão balasana bambu Bioenergética BKS Iyengar caminho caridade Casa do Yogue cautela centro comunitário chacras ciclo menstrual cifose cobra compaixão condução consciência consciencia corporal consciência corporal contentamento coração corpo cortisol cotidiano crença criança Dalai-Lama Débora Rey desapego Desikachar Deus devoção dia mundial sem carro diabetes dicas para a pratica disciplina disco disposição divulgação documentário dor doula eficaz emagrecimento emoção encontro entrega envelhecimento envoltórios equilíbrio escolha espaço de yoga essencial estabilidade estatística estresse estudar ética ética universal eventos evolução experiência Fabiana Rodrigues fadiga falatório felicidade férias fertilidade fibromialgia filme flexibilidade Floripa frequência cerebral funcionamento das células Gandhi Ganesha gestantes Geta Iyengar girassol glicemia Glória Arieira gratidão guruji habilidade hatha yoga Hermógenes honestidade Horários humildade Ibirapuera informação insônia intensivo interno Introdutório I inverno invertido invocação a Patanjali invocações Iswara Iyengar Iyengar em Pinda Iyengar em Taubaté Iyengar Yoga Iyengar Yoga em Pinda Iyengar Yoga em Pindamonhangaba jabuticabeira juntos karma yoga kriya kuruntha leitura leveza liberdade Ligh on Yoga lista livros lixo tóxico Lois longevidade lua luz mandala Mandala yoga mantra mãos em prece Marcos Rojo mat mauna meditação meio ambiente moderação motivos mudança músculos nada nadis Namaskar narinas natureza novidade nyamas obesidade infantil obrigação olhar om ondas cerebrais oração Paramahamsa Yogananda parivrtta trikonasa partner yoga parto paschimottanasana passado Patanjali paz paz no dia a dia perdão perfeição pesquisa Pinda Pindamonhangaba Poema Se poluição postura power yoga prakiti pranayama PranaYoga Journal pratica prática prática constante pratica pessoal pratyahara prazer presença pressão alta professor props puja purusa recomeçar refém reflexões religião remédios respiração restaurativa restauro resultado retorno rigidez rosa sadhana sala de yoga samskara sanscrito santoscha satchakra saudação ao sol saúde savasana sentimentos Shiva Sidarta Gautama significado silêncio simplicidade sistema imunológico sistema linfático sol sorriso surf Surya surya namaskar tapas tensão torso humano trajetória transformação união útero vairagya Vale do Paraíba valores vedanta vela verdade viparita karani Viver yoga pela paz vulnerabilidade Workshop yamas yoga yoga em Pinda yoga em Pindamonhangaba yoga em Taubaté yoga no bosque yoga para mulheres yoga para todos yoga pela paz Yoga Terapia Hormonal Yogananda yogues

sexta-feira, 1 de março de 2013

Invocação para Patañjali ensinado por B.K.S Iyengar


Invocação para Patañjali ensinado por B.K.S Iyengar


O que acontece quando unimos duas grandes personalidades do Yoga?



Para muitos, Yoga significa posturas físicas. No entanto, quem se aprofunda mais um pouco percebe que Yoga é um termo muito abrangente que chega a abarcar mais de 10 modalidades de práticas diferentes. Um dos grandes pensadores do multifacetado Yoga é um ser quase que mítico, conhecido como Patañjali. Sua existência é tão misteriosa que até hoje paira a dúvida se Patañjali foi uma pessoa ou um grupo que livremente assinava uma obra filosófica, linguística e mística.
Em contraponto temos um dos maiores nomes do Asana (posturas físicas) do Yoga, B.K.S Iyengar. Para muitos ocidentais fundar uma nova modalidade de uma prática milenar significa “sair do espaço comum e gerar mais visibilidade para o seu yoga bussiness”. No entanto, Iyengar, logo no início de sua prática, possuía muitas limitações de saúde e para vencê-las utilizou ajustes e objetos intermediários nos asanas. Soldou tudo isso com o fogo do conhecimento milenar do Yoga, com rituais, mantras e filosofia de vida (Yamas e Niyamas) e sistematizou um dos mais respeitados sistemas de prática do mundo.

Sobre Patanjali


 Na tradição do Yoga, Patañjali é um nome muito reverenciado pois é considerado uma emanação divina que veio para difundir os princípios do Yoga. Autor de obras primas e reverenciado nas aulas de Yoga até hoje através de uma linda oração. Misticamente, acredita-se que Patañjali é uma das encarnações de Adi Shesha (Vishnu).
Sobre B.K.S Iyengar


BKS Iyengar nasceu em uma família pobre, sendo o 11º de 13 filhos.  Ao longo de sua infância lutou com contra severas doenças, como: malária , tuberculose , febre tifóide , e desnutrição.

Na idade de 15 anos, seu cunhado, o yogin Krishnamacharya , pediu para que fosse a Mysore cuidar de sua irmã, e o convidou para praticar Yoga com o objetivo de melhorar a sua saúde.

No início, previu que o adolescente, sem flexibilidade e doente, não chegaria a ser bem sucedido no Yoga. 
Foi negligenciado e encarregado de tarefas domésticas. Somente quando  Krishnamacharya perdeu seu aluno mais proeminente foi que começou seu treinamento de yoga. 
Iyengar sistematizou seu próprio método de Yoga, hoje em dia conhecido e praticado em todo o mundo e, em 2004, foi nomeado como uma das 100 pessoas mais influentes do mundo pela revista Time.
Para a Puja (adoração, ritual sagrado) das suas aulas, o mestre Iyengar canta um lindo hino honrando o pai da Yoga Patañjali.
Curta este lindo áudio (download free) onde Iyengar ensina, frase por frase, a entoar esta melodia clássica.



Invocação à Patañjali

yogenacittasyapadena vacam
malam sarirasyacavaidyakena
yopakarottampravarammuninam
patanjalimpranjaliranato'smi


abahupurusakaram
sankhacakrasidharinam
sahasrasirasamsvetam
pranamamipatanjalim

O significado da Invocação
por Geta Iyengar
Os dois slokas (versos) que cantamos servem para invocar Patanjali (autor do Yoga Sutras).
No hino é dito que, em primeiro lugar, Patanjali é considerado a encarnação de Adi Shesha, que é o assento do Senhor Vishnu, o mantenedor deste mundo.
Diz-se que ele outorga três ciências diferentes para que as pessoas melhorem a si mesmas.
O primeiro é yoga.
Yogenacittasyapadenaa vacam
Para purificar a mente (citta), a consciência, Patañjali nos deu a ciência do yoga (yogena). Para purificar o nosso uso das palavras (pada) e fala (vaca), fez comentários sobre a gramática de forma esclarecida, distinta e pura.
Malam sarirasyacavaidyakena
Para remover as impurezas (malam) do corpo (sarira), ele nos deu a ciência da medicina (vaidyakena).
Yopakarottampravarammuninam
Deixe-me seguir próximo àquele que tem nos dado essas coisas.
Patanjalimpranjaliranato’smi
Deixe-me curvar minha cabeça com as mãos em reverência para o Senhor Patañjali.
Então, depois de conhecer o que Patañjali faz, a segunda estrofe diz sua aparência.
Para que possamos meditar em sua forma.
Avahupurusakaram
Da mão até a cabeça, ele tem a forma (Karam) de um ser humano (purusa.)
shankhacakarasidharinam
Em sua mão ele segura a concha (shankha) e o disco (cakra.)
sahasrasirasamsvetam
Em cima de sua cabeça (sirasam) ele tem mil (sahasra)
cabeças de cobra, porque ele é a encarnação do Adi Shesha, a maior cobra. Svetam representa o branco (pureza).
Pranamamipatanjalim
Eu me curvo a Patañjali.

Matéria: Sandro Shankara
Tradução da Invocação: Geta Iyengar 
Originalmente publicado aqui:  http://www.musicaindianabrasil.com 

2 comentários:

  1. Obrigada por aprofundar nossos conhecimentos Ana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu, obrigada vcs!!! Imagine... :D Saiba que vc está entre meus exemplos, Jaya!

      Excluir